Museu das Azenhas

“Ainda o HOMEM lascava as pedras [Paleolítico] para os seus machados, e preparava as suas facas e pontas de flechas com seguras e hábeis pancadas, e já triturava e moía raízes, frutos e grãos silvestres que ajudavam a sua magra alimentação.

Os aparelhos com que fazia essa moagem rudimentar não eram certamente numerosos, pois também os grupos eram, nesses tempos, escassos e pequenos. O seu número, porém, aumentou no momento em que começou ele próprio a semear os grãos.

Nunca terá passado pela sua rude cabeça que realizava então, com a descoberta da agricultura, a primeira revolução económica da história humana, e iniciava verdadeiramente a vitoriosa proliferação da nossa espécie.”

GALHANO Fernando, Moinhos e Azenhas de Portugal, Lisboa
(Associação Portuguesa dos Amigos dos moinhos) Secretaria de Estado da Cultura, 1978

Breve Abordagem Histórica

Associados a diversas atividades primárias os moinhos são uma demonstração clara da simbiose entre o aproveitamento das águas, a natureza e a economia rural local. O relevo acidentado, os declives elevados e os vales fluviais, favoreciam o aumento da velocidade do escoamento das águas, fatores fundamentais no aproveitamento hidráulico por parte dos moinhos de água nas ribeiras e das azenhas no rio.

“Eles representam [os moinhos e as azenhas] também, com a sua engrenagem de moenda ao mesmo tempo muito singela e muito elaborada, a forma mais evoluída de um sistema primitivo de trituração dos grãos de cereal entre duas pedras, para fabrico de farinhas alimentares, cuja origem remonta aos tempos pré-históricos, em relação com as primeiras conquistas e aquisições do homem agricultor (…)”
VEIGA DE OLIVEIRA, Ernesto, F. GALHANO e B. PEREIRA (1983) *

O cultivo dos campos, na Freguesia de Olalhas, era exclusivamente para subsistência familiar. Os cereais tinham um papel preponderante na alimentação de base humana, na confeção do pão como bem essencial, bem como alimento da criação dos animais que mantinham para o seu sustento. Entre os cereais cultivados, destaca-se em larga escala o milho, sendo menos significativo o trigo, o centeio e a cevada.

Onde fica?

O Museu das Azenhas situa-se na antiga Escola Primária de Alqueidão na freguesia de Olalhas. Como chegar?